Olá, visitante!

Login

Repeteco de 2017: Fraga e Átila vencem Stock no Velo Città. Daniel Serra volta a abrir vantagem

Publicado em 24/09/2018 por Rafael Gaspar

Por: Racemotor

A nona etapa do Brasileiro de Stock Car 2018, disputada neste domingo (23), no Velo Città, em Mogi Guaçu (SP), teve gosto de repeteco. Os vencedores, pelo menos, foram os mesmos: Felipe Fraga venceu a primeira corrida, em sua 100ª participação na Stock Car, e Átila Abreu triunfou na segunda.

O público compareceu em peso ao autódromo do interior paulista, mesmo sob forte calor (33 graus). A temperatura da pista (cerca de 62 graus) trouxe um fator a mais para os pilotos lidarem durante as disputas no técnico circuito de 3.438 metros. Quem se deu muito bem foi o líder do campeonato Daniel Serra, que se recuperou de uma etapa negativa em Cascavel, em que não pontuou, para ser o maior pontuador deste domingo ao conquistar dois segundos lugares.

Na primeira disputa do dia, Fraga largou da segunda posição, perdeu um posto na largada e contou com problemas de seus adversários para garantir sua terceira vitória na temporada. Marcos Gomes, que saiu na pole, acabou deixando a prova quando foi obrigado a entrar nos boxes para um reparo na luz de freio traseira, que não funcionava. Serra e Cacá Bueno fizeram companhia ao vencedor no pódio.

A segunda prova também foi quente e disputada. A vitória no complemento da rodada dupla ficou com Átila Abreu. Serra fechou novamente em segundo, com Rubens Barrichello indo ao pódio com o terceiro lugar.

A classificação do campeonato traz mudanças importantes após a etapa de Mogi Guaçu. Serra, que não pontuou em Cascavel, sai do interior paulista como o maior pontuador da etapa, abriu mais cinco pontos de vantagem e agora tem 17 sobre Felipe Fraga (234 a 217).

Cacá Bueno é o novo terceiro colocado na tabela, com 163 pontos, enquanto Rubens Barrichello também subiu de quinto para quarto com o terceiro lugar conquistado neste domingo, somando agora 161 – apenas um à frente de Marcos Gomes. Max Wilson (159), Julio Campos (157), Átila Abreu (141), Ricardo Zonta (122) e Lucas di Grassi (115) fecham os dez primeiros da classificação geral da Stock Car após nove etapas. A categoria volta a acelerar em Londrina (PR) no dia 21 de outubro – a pista paranaense foi escolhida para substituir Tarumã, vetada pela CBA por não providenciar as reformas exigidas.

Corrida 1*:
1. Felipe Fraga (Cimed Chevrolet Racing) – 27 voltas em 41min53s283
2. Daniel Serra (Eurofarma RC) – a 2.478
3. Cacá Bueno (Cimed Chevrolet Racing) – a 7.258
4. Julio Campos (Prati-Donaduzzi Racing) – a 13.434
5. Lucas Di Grassi (Hero Motorsport) – a 14.819
6. Thiago Camilo (Ipiranga Racing) – a 15.072
7. Nelson Piquet Jr (Full Time Bassani) – a 16.623
8. Ricardo Zonta (Shell V-Power) – a 17.803
9. Átila Abreu (Shell V-Power) – a 18.960
10. Felipe Lapenna (Cavaleiro Contuflex) – a 23.079
11. Rubens Barrichello (Full Time Sports) – a 23.603
12. Ricardo Maurício (Full Time Sports) – a 24.859
13. Allam Khodair (Blau Motorsport) – a 25.200
14. Lucas Foresti (Cimed Chevrolet Racing Team) – a 34.875
15. Bruno Baptista (Hero Motorsport) – a 43.348
16. Ricardo Sperafico (Bardahl Hot Car) – a 59.984
17. Bia Figueiredo (Ipiranga Racing) – a 1:47.431
18. Max Wilson (Eurofarma RC) – a 1 volta
19. Valdeno Brito (Eisenbahn Racing Team) – a 1 volta
20. Galid Osman (Cavaleiro Sports) – a 1 volta
21. Vitor Genz (Eisenbahn Racing Team) – a 3 voltas
22. Rafael Suzuki (Bardahl Hot Car) – a 6 voltas
NÃO COMPLETARAM:
23. Antonio Pizzonia (Prati-Donaduzzi Racing) – a 8 voltas
24. Denis Navarro (Cavaleiro Sports) – a 9 voltas
25. Gabriel Casagrande (Vogel Motorsport) – a 9 voltas
26. Marcos Gomes (Cimed Chevrolet Racing Team) – a 17 voltas
27. Cesar Ramos (Blau Motorsport) – a 19 voltas
28. Diego Nunes (Full Time Bassani) – a 24 voltas
29. Guga Lima (Vogel Motorsport) – a 25 voltas
MELHOR VOLTA: Marcos Gomes, 1min30s396 (136,9 km/h)
*Resultados sujeitos a verificações técnicas e desportivas

Corrida 2*:
1. Átila Abreu (Shell V-Power) – 26 voltas em 42min46s284
2. Daniel Serra (Eurofarma RC) – a 2.280
3. Rubens Barrichello (Full Time Sports) – a 2.656
4. Ricardo Zonta (Shell V-Power) – a 3.723
5. Julio Campos (Prati-Donaduzzi Racing) – a 6.300
6. Felipe Fraga (Cimed Chevrolet Racing) – a 9.381
7. Ricardo Maurício (Full Time Sports) – a 11.692
8. Valdeno Brito (Eisenbahn Racing Team) – a 13.540
9. Nelson Piquet Jr (Full Time Bassani) – a 13.891
10. Bruno Baptista (Hero Motorsport) – a 15.091
11. Galid Osman (Cavaleiro Sports) – a 16.314
12. Marcos Gomes (Cimed Chevrolet Racing Team) – a 18.401
13. Allam Khodair (Blau Motorsport) – a 25.848
14. Diego Nunes (Full Time Bassani) – a 26.255
15. Denis Navarro (Cavaleiro Sports) – a 27.016
16. Guga Lima (Vogel Motorsport) – a 27.688
17. Max Wilson (Eurofarma RC) – a 28.700
18. Lucas Foresti (Cimed Chevrolet Racing Team) – a 29.022
19. Ricardo Sperafico (Bardahl Hot Car) – a 37.675
20. Thiago Camilo (Ipiranga Racing) – a 49.500
21. Rafael Suzuki (Bardahl Hot Car) – a 1 volta
22. Cesar Ramos (Blau Motorsport) – a 2 voltas
23. Vitor Genz (Eisenbahn Racing Team) – a 4 voltas
24. Antonio Pizzonia (Prati-Donaduzzi Racing) – a 4 voltas
NÃO COMPLETARAM:
25. Lucas Di Grassi (Hero Motorsport) – a 12 voltas
26. Gabriel Casagrande (Vogel Motorsport) – a 19 voltas
27. Bia Figueiredo (Ipiranga Racing) – a 19 voltas
28. Cacá Bueno (Cimed Chevrolet Racing) – a 24 voltas
29. Felipe Lapenna (Cavaleiro Contuflex) – a 25 voltas
MELHOR VOLTA: Marcos Gomes, 1min30s142 (137,3 km/h)
*Resultados sujeitos a verificações técnicas e desportivas

Campeonato
1. Daniel Serra – 234 pontos
2. Felipe Fraga – 217
3. Cacá Bueno – 163
4. Rubens Barrichello – 161
5. Marcos Gomes – 160
6. Max Wilson – 159
7. Julio Campos – 157
8. Átila Abreu –141
9. Ricardo Zonta – 122
10. Lucas di Grassi – 115

Advertise

Próximos eventos

Mais eventos